Como posso ajudar na reinserção social do dependente químico?

A reinserção social do dependente químico é algo que demanda força emocional para superar diversos obstáculos, sobretudo o preconceito e o descrédito da sociedade. Para muitos viciados, o recomeço da convivência em sociedade abrange a volta ao mercado de trabalho, o retorno aos estudos, como também a tentativa de restabelecer vínculos com os familiares e amigos.

Conforme o Relatório Mundial sobre Drogas de 2018, a quantidade de pessoas no mundo que fez uso de entorpecentes ao menos uma vez no ano prosseguiu estável em 2016. Sem dúvidas que para amenizar esses números e o retorno ao convívio social não seja frustrante, o dependente de substâncias psicoativas precisa se submeter a um tratamento especializado, a fim de que a sua reabilitação seja eficiente e eficaz.

Dentre variados tipos de abordagens, há a internação, a qual consiste numa medida mais intensa, cujo procedimento envolve um trabalho de desintoxicação e consequente “limpeza do organismo”, com o uso de medicamentos para amenizar os efeitos da abstinência e acompanhamento de médicos e psicólogos. A internação pode ser voluntária, involuntária ou compulsória.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Olá! Como podemos ajudar?